por cesarschmitzhaus

22 out 2015

Banco de dados: não invista seu tempo em tarefas que podem ser automatizadas

database

Você sabia que tecnologia de cloud computing foi a responsável por manter o crescimento do setor do TI em níveis positivos? Pois é: vivemos um período de profunda transformação na gestão dos dados e das aplicações corporativas e, além de todos os benefícios sobre os quais já falamos aqui no Mundo Teltec, a computação em nuvem permite automatizar uma série de tarefas. Neste post, vamos tratar especificamente de banco de dados.

O serviço Amazon Relational Database Service (Amazon RDS), que é o que oferecemos aqui pela Teltec Solutions, permite acessar os recursos de bancos de dados relacional sem necessidade de instalação de software ou infraestrutura e dimensionar o uso dos recursos de processamento e armazenamento de forma automática, por meio de uma API (Interface de Programação de Aplicações). A variação pode chegar até 32 vCPUs e 244 GiB de RAM.

Quando se trata de banco de dados em cloud, há ainda outros recursos de automação que garantem a redundância dos dados e a segurança diante de desastres (disaster recovery), como:

  • Backups automatizados: é possível criar pontos de backup sem se preocupar com compra de bibliotecas de fitas, robôs, etc, tudo de forma automática. Basta configurar quando a cópia de segurança será feita.
  • Substituição automática de hosts: Não se preocupe com máquinas, servidores, memória, disco, processador, etc. Em caso de alguma falha, seu banco de dados é automaticamente provisionado em outro hardware disponível. Além disso, pode-se optar por rodá-lo em ambiente com alta disponibilidade, em que seu banco estará presente em duas zonas, ou seja, em dois datacenters distintos, com latência mínima entre eles.

Além disso, é possível segmentar o acesso ao banco de dados por meio de uma VPN IPsec criptografada padrão do mercado, garantindo que seu dado trafegue de forma cifrada, ou seja, sem poder ser “lido” por pessoas má intencionadas. Aliás, o serviço da Amazon oferece criptografia tanto para dados ociosos quanto para dados em trânsito.

É bom lembrar que, como todo serviço de cloud, a empresa paga apenas pelos recursos que utiliza, pelo tempo que utiliza. Isso permite dimensionar os custos de acordo com a demanda, caso a sua empresa tenha que lidar com sazonalidade.

Gostou desse post? Você pode ler mais sobre cloud aqui e continuar acompanhando nossas postagens pelo Facebook e pelo Linkedin.



Acompanhe nossas novidades nas redes sociais!