por admin

17 out 2018

NexusLab: projeto une a Teltec às Startups – Entrevista com David Silva

Nesta semana de comemorações ao dia da Tecnologia (16) e ao dia nacional da Inovação (19), a Teltec Solutions fala sobre suas iniciativas, suas áreas de atuação e de suas perspectivas para o futuro.

Abaixo, você confere a entrevista concedida pelo Head of Innovation da Teltec, David Silva, que coordena o NexusLab, nossa principal iniciativa voltada à inovação, que existe em parceria com a Associação Catarinense de Tecnologia (ACATE), desde 2017.

David fala sobre os desafios da área de inovação, do relacionamento de empresas tradicionais com Startups e dá dicas para novos empreendedores que sonham em começar uma Startup. Confira:

– O que é o NexusLab e como ele funciona?

O NexusLab é um escritório de inovação inaugurado em 2017, com o objetivo de desenvolver novos produtos e serviços para a Teltec. O escritório foi estrategicamente aberto dentro do programa LinkLab, da ACATE. O programa tem como objetivo aproximar as empresas tradicionais das Startups, promovendo a inovação aberta.

Startups e inovação no NexusLab.

NexusLab, na ACATE.

Como um dos patrocinadores do programa, nós participamos da seleção de Startups e nos conectamos àquelas que tenham sinergia com o nosso negócio. A partir daí, alinhamos as expectativas e iniciamos os projetos.

– O que é inovação aberta?

Basicamente, é somar forças com outras empresas e/ou parceiros para desenvolver um novo produto, serviço ou modelo de negócio. É por isso que estar presente em um ecossistema como o da ACATE faz todo sentido, já que é um ambiente que oferece grande potencial para novas conexões.

– Como você acha que o NexusLab contribui com a inovação em Santa Catarina?

O Nexuslab, assim como o Linklab, fomenta o empreendedorismo da região. Criamos aqui uma condição propícia para que essas jovens empresas possam se desenvolver. Para as empresas tradicionais, que já estão estabelecidas no mercado, está dada a possibilidade de aprenderem mais sobre o ambiente de inovação.

Eu vejo que, para as Startups, estar presente dentro do ecossistema da ACATE é uma oportunidade única de fazer conexões, participar de programas, capacitações, processos de aceleração e de já chegarem ao mercado de forma mais rápida e assertiva.

– O que, de fato, o NexusLab prove às startups?

Além do que já mencionei, nós possibilitamos a conexão com clientes, validação de soluções, oportunidade de desenvolvimento conjunto de produtos e modelos de negócio. Há, também, a possibilidade de a própria Teltec vir a consumir os produtos da Startup, internalizando como uma solução.

– Como você acha que, no geral, as empresas tradicionais estão lidando com essas startups?

De diversas formas. Existem as que ignoram esse movimento, mas existem aquelas que inclusive chegam a adquirir uma Startup. Não é uma tarefa simples, no entanto. Isso por conta da cultura, incertezas próprias da área e se há ou não alinhamento entre as partes.

O que posso afirmar com base nesse tempo em que estou participando do ecossistema, é que algumas startups possuem soluções e insights valiosos para as empresas tradicionais, seja para a melhoria de processos internos, seja para a criação de novos produtos.

NexusLab e Startups

Reunião acontecendo no NexusLab.

Recomendo acompanhar esse movimento, pois essas Startups podem ser a chave para enfrentar os desafios da transformação digital e para a sustentabilidade futura. Também é importante ressaltar que o benefício desse relacionamento é bidirecional: a empresa tradicional, com sua experiência, pode auxiliar a Startup a consolidar melhor a sua solução e ser mais assertiva nos seus processos organizacionais.

– O que você, como Head of Innovation, daria de conselho para alguém que deseja começar uma startup agora? O que você faria?

O conselho que eu daria é: valide bem sua solução no mercado. Valide a sua ideia antes de colocar a mão na massa e de despender tempo e dinheiro para fazer as coisas. Entenda, veja se é isso que o mercado quer, faça os ajustes com base nos feedbacks, coloque-se no lugar no cliente e avalie a efetividade da sua solução.

Parece óbvio, mas a validação de mercado é uma etapa que muitas vezes é negligenciada e é parte fundamental para o sucesso da Startup. Quanto mais validações você fizer, mas insights surgirão e, consequentemente, mais o seu produto será lapidado para uma aderência mais efetiva ao mercado.

Outro ponto que destaco como relevante é a determinação do empreendedor. É preciso ser incansável na busca pelo sucesso da Startup e ter a capacidade de fazer conexões que, no final das contas, é o que pode encurtar caminhos e gerar oportunidades mais rapidamente.

– Existe algo desaconselhável?

O inverso do que disse anteriormente. Pôr muito esforço na frente sem entender se o seu produto ou solução tem aderência ao mercado. Ficar fechado para as conexões, tentando resolver tudo sozinho ou apenas com os contatos já existentes, também não é muito aconselhável.

***

Gostou da entrevista e gostaria de saber mais sobre o NexusLab? Conecte-se conosco através do Link Lab da ACATE e conte-nos sobre a sua ideia!

Categorias



Acompanhe nossas novidades nas redes sociais!